Translate

domingo, 20 de julho de 2014

Crianças São Herança do Senhor


O DI – Departamento Infantil –, contando com o reforço de voluntários, realiza mais uma Escola Bíblica de Férias. Momentos preciosos, quando, aproveitando as férias escolares, oferecemos uma programação especial para as crianças.

Nossa Igreja leva a sério o trabalho com os pequenos, e para isso mantém em funcionamento o DI. Dominicalmente as crianças participam da abertura da EBD no Santuário, para em seguida serem conduzidas às classes, onde aprendem verdades bíblicas em material especialmente preparado para elas. À noite, participam do início do culto e depois sobem para atividades no DI.

Como pais, e mães, lembremos que o DI não é um “depósito de crianças”, nem parque de diversões, onde as crianças ficam alojadas para que cultuemos, mas um local onde elas aprendem sobre Deus, e também a como se comportar no culto solene.

Nosso compromisso é fazer um DI melhor a cada dia. Louvamos a Deus pela vida daqueles que estão se empenhando nesta tarefa. Convidamos a todos que se sentirem chamados por Deus a que se apresentem para capacitação e trabalho.

Entendemos que as crianças precisam de convivência no Santuário, cultuando com as famílias sob a supervisão dos pais. Afinal, o culto é uma atividade que deve ser executada em família, e na Bíblia não temos cultos segmentados por idade. A responsabilidade primeira pela instrução e disciplina das crianças é dos pais, que devem aprender a exercitá-las, inclusive nos cultos. Nem sempre é fácil, mas é necessário. A Igreja deve colaborar com os pais nesta tarefa, para que colhamos frutos em vidas consagradas ao Senhor.

Precisamos sacrificar um pouco nosso conforto para que nossos filhos adorem conosco, e aprendam como fazê-lo vendo nosso exemplo, e mais adiante tragam nossos netos. O fato é que, algumas crianças ainda não sabem se comportar em um culto, mas com a Graça de Deus e a nossa colaboração elas aprenderão.

As crianças precisam presenciar a administração dos sacramentos, como aconteceu domingo.“A graça da fé, pela qual os eleitos são habilitados a crer para a salvação das suas almas, é a obra que o Espírito de Cristo faz nos corações deles, e é ordinariamente operada pelo ministério da palavra; por esse ministério, bem como pela administração dos sacramentos e pela oração, ela é aumentada e fortalecida.” (CFW XIV.I);

Privar crianças de momentos no Santuário é correr o risco de vê-las sem qualquer familiaridade com o culto solene, e o pior, vê-las sair diretamente do DI para as ruas, por não terem vivência no Santuário. Há igrejas com gerações perdidas, porque os filhos não foram instruídos a participar dos cultos, e se tornaram estranhos em suas Igrejas.

Ver os pais participando dos cultos instrui as crianças de maneira poderosa, as crianças aprendem com o exemplo que vêem em nós. Sejamos fieis mordomos da herança que o Senhor nos tem confiado.

Soli Deo Gloriæ!

Alfrêdo Oliveira

(Publicado no Boletim Dominical da Igreja Presbiteriana Memorial em 20 de Julho de 2014)


Postar um comentário