Translate

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Jesus Como Evangelista


O nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, depois de ressuscitado e antes de ascender aos céus, nos ordenou ir e pregar o Evangelho a toda criatura. Essa ordem foi dada por alguém que em Sua vida exemplificou como deveríamos viver as nossas. O Dr. Scheibel em seu livro “Conquistando Como o Mestre, indo ao encontro das pessoas como Jesus fazia.” aponta algumas das características de Jesus como Evangelista, que passamos a apresentar, com leves adaptações:

Jesus Ia ao Encontro das Pessoas
Jesus, ao comunicar Sua mensagem, considerava as circunstâncias de cada pessoa. Essa postura refletia-se em suas ações, que legitimavam, e tornavam concretos os seus ensinos, sem gerar incongruências. As ações do emissor são fundamentais para a acolhida da mensagem. Ele vivia o que pregava aproximando-se das pessoas, e ilustrando com eventos cotidianos verdades profundas.

Jesus Comunicava com Simplicidade
Jesus foi um exímio comunicador, Ele era claro e objetivo. Algumas vezes, em várias situações, utilizou o confronto como recurso didático, (Mt. 23.13); outras vezes empregava um jogo de palavras exprimindo conceitos opostos.
A reinterpretação, poderosa forma de comunicação, também foi utilizada pelo Senhor, assim como, as perguntas e contra perguntas, e os paradoxos. Ao comunicar-se, Jesus encorajava e consolava os seus ouvintes.

Jesus Falava ao Ser Humano Todo
Todo o Evangelho ao homem todo. A mensagem de Jesus Cristo alcançou as várias dimensões do ser humano, sem negligenciar nenhum aspecto.

Discípulos e discípulas de Jesus Cristo têm diante de si o desafio de seguir o exemplo do Mestre em tudo, inclusive na evangelização.


Soli Deo Gloriæ!

(Publicado no Boletim Dominical da Igreja Presbiteriana Memorial, 17 Ago. 2014)
Postar um comentário